Poder e Cotidiano em Sergipe
Dez candidatos a deputado federal concorrem usando nome social 14 de Setembro 8H:13
PODER

Dez candidatos a deputado federal concorrem usando nome social

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) permitiu pela primeira vez que eleitores e candidatos utilizem o nome social, de acordo com o gênero com o qual se identificam (masculino ou feminino).

Nos dados do TSE há 28 candidatos registrados com nome social. Dezessete concorrem ao cargo de deputado estadual, dez a deputado federal e um a senador.

De acordo com portaria que regulamentou a questão, o nome social deverá ser composto por prenome, acrescido do sobrenome constante do nome civil - e não pode ser ridículo, irreverente, ou atentar contra o pudor.

O Psol é o partido que conta com o maior número de candidatos transexuais ou travestis: onze. Já o PCdoB fica em segundo lugar no número de candidatos com nome social, com cinco registros.

Também há candidatos que utilizam nome social nos partidos Avante, MDB, PDT, PHS, PMB, Pode, PP, PSD, PT, PTB e Rede.

*Com informações da Agência Câmara

Foto: Divulgação/TSE

Comentários

  • Seja o(a) primeiro(a) a comentar!

Deixe seu comentário

Imagem de Segurança
* CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba do nosso blog muitas novidades.