Edvaldo empossa Jorge Santana

14/06/2017 19:29:25 por Max Augusto em PODER

Com foco no fortalecimento das cadeias produtivas do município e no compromisso de tornar Aracaju uma Cidade Inteligente, o prefeito Edvaldo Nogueira empossou, na manhã desta quarta-feira (14), o engenheiro e empresário Jorge Santana como secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Turismo.

 

A solenidade foi prestigiada pelo vice-governador Belivaldo Chagas, pelos reitores das universidades do Estado e por empresários de diversos setores da economia sergipana.

 

Com a posse de Jorge Santana, o governo municipal “alavancará as ações para que Aracaju passe a fazer uso da tecnologia em todos os seus setores”, explicou o prefeito.

 

De acordo com ele, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Turismo será a responsável pelo trabalho de implantação do sistema de “Smart City” na capital sergipana, dentro de um programa que vem sendo desenvolvido pelo Ministério da Ciência e Tecnologia.

 

“Aracaju tem todas as condições para se tornar um modelo de cidade inteligente para o país, dado o tamanho da cidade, a sua economia e a sua geografia. Nossa gestão já conseguiu incluir Aracaju neste projeto”, informou Edvaldo.

 

Segundo o gestor municipal, é também missão do novo secretário atuar para tornar Aracaju um polo importante de turismo no país. “Ainda padecemos no turismo, apesar de Aracaju ser uma cidade bonita, organizada e ter todas as condições de ser um polo turístico. Mas hoje o fluxo de turistas para a cidade é menor do que o registrado em cidades como Salvador, Maceió, Natal e Fortaleza. Queremos criar as condições efetivas para mudar esta realidade. Isso começa na construção de um plano de turismo que tenha início, meio e fim. Ou seja, que tenha ações e metas que possibilitem tornar Aracaju, dentro de um prazo factível, um destino importante do turismo, gerando assim emprego e renda para a nossa gente”, destacou.

 

De igual modo, Edvaldo Nogueira defendeu um engajamento da prefeitura na definição das políticas que fortaleçam a economia local, com a adoção de parcerias público-privadas e com a participação das universidades e entidades de diversos setores.

 

“Vamos trabalhar juntos, governo, setor privado e sociedade, para fazer Aracaju alavancar. As parcerias público-privadas são muito importantes. Isto já está sendo estudado na nossa gestão. Além disso, queremos que a inteligência de Sergipe participe deste processo de inovação conosco. Vamos criar o Fórum de Desenvolvimento Econômico da cidade”, afirmou.

 

Para o prefeito, Jorge Santana tem todas as credenciais para as tarefas relacionadas ao Desenvolvimento Econômico e ao uso da tecnologia na gestão e na construção de uma cidade melhor.

 

“Jorge chega agora, mas nunca ficou fora do nosso governo. Ele coordenou a elaboração do programa de governo que apresentamos para a sociedade. Ele vem no momento ideal, para ajudar as cadeias produtivas, viabilizar as PPPs, fortalecer o Turismo e cuidar do processo de implantação do programa Cidade Inteligente. Jorge tem muita capacidade, tem relação com o meio produtivo e com os setores de tecnologia. Estou muito feliz por ele ter aceitado o convite de integrar a nossa gestão”, afirmou. Com a posse de Jorge Santana, Edvaldo concluiu a formação do seu secretariado.

 

Ações transversais

Em seu discurso de posse, Jorge Santana se disse “muito disposto” a dar sua contribuição para tornar Aracaju uma cidade inteligente, humana e criativa. “Só o conceito de cidade inteligente não nos interessa. Tem que ter a dimensão humana e tem que ter a ousadia de incluir a ideia de criatividade. Nosso trabalho será transversal entre todas as pastas, com muito diálogo com as demais áreas de governo e com a sociedade. Os nossos conceitos precisam estar presentes na mobilidade, na saúde, na educação, nos serviços públicos, na zeladoria. É possível dar passos grandes, com ações de baixo custo”, frisou.

 

O novo secretário também afirmou estar empenhado na agenda do desenvolvimento econômico local. “A prefeitura não pode ser coadjuvante em temas como desenvolvimento econômico, turismo e tecnologia. Iremos dar corpo ao projeto de parcerias público-privadas. Há também um imenso desafio no turismo. Nunca vivemos um cenário tão ruim. Por isso, temos que nos unir com o governo estadual, com as instituições como as universidades e as entidades e associações para construir parcerias”, destacou.

 

Ele agradeceu o convite realizado pelo prefeito. “Quero agradecer ao prefeito pela confiança, por fazer parte de um time de craques, que é o secretariado que ele formou. Não faltarão disposição e entusiasmo para contribuir com este projeto”, reiterou.

 

"Grande contribuição"

O vice-governador Belivaldo Chagas elogiou a escolha de Edvaldo por Jorge Santana. “Conheço Jorge de perto, sei da sua capacidade, compromisso e dedicação para este projeto. Edvaldo foi extremamente feliz ao escolhê-lo. Jorge tem preocupação com a cidade e irá contribuir muito para o desenvolvimento de Aracaju”, disse.

 

A vice-prefeita Eliane Aquino também comemorou a chegada do novo secretário ao governo municipal. “Jorge está, desde o início, no nosso pensamento de criarmos este projeto, que foi escolhido pelos aracajuanos para governar a cidade. Ele traz a experiência, o conhecimento, o respeito e integridade para compor a gestão. É um ganho gigantesco para Aracaju. Não é só um nome técnico. É inteligente, transita bem. Estou super feliz. Quem ganhou com a chegada dele não foi nem eu, nem Edvaldo, foi a cidade de Aracaju”, afirmou.

 

Ela ressaltou ainda a importância do uso da tecnologia na gestão e pontuou o empenho do prefeito Edvaldo Nogueira em estimular este conceito dentro do seu governo. “Temos que caminhar para um novo momento de mundo, no qual é necessário inserir as temáticas da tecnologia e da inovação no nosso trabalho. É como Edvaldo tem afirmado o tempo inteiro: não adianta pensar nas mesmas soluções de quatro, oito, doze anos atrás. Todo trabalho deve estar inserido numa nova linguagem”, reforçou.

 

Jorge Santana é engenheiro, empresário, presidiu entidades setoriais da área de informática, foi presidente da Associação Comercial, um dos fundadores do Fórum Empresarial de Sergipe, foi secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Turismo (no primeiro governo de Marcelo Déda).

 

Prestigiaram a posse de Jorge Santana os reitores Angelo Antoniolli (Universidade Federal de Sergipe) e Jouberto Uchôa (Universidade Tiradentes); os vereadores Nitinho Vitale (presidente da Câmara), Antonio Bittencourt (líder do governo municipal), Dr. Gonzaga e Vinicius Porto; os secretários estaduais Fábio Henrique (Turismo) e João Augusto Gama (Cultura), o juiz Anselmo Oliveira; o superintendente do Banco do Norte, Saumíneo Nascimento; o superintendente do Sebrae, Emanuel Sobral; o diretor do Senac, Paulo do Eirado; o presidente da Associação Comercial de Sergipe, Marco Pinheiro, além de dirigentes de entidades do setor produtivo e secretários municipais.

 

AAN

Fotos: Janaína Santos/PMA

Deixe um comentário

Seu nome
(Necessário)
Seu E-mail
(Necessário - Não será exibido)
Seu comentário
Código da imagem:
NewsLetter
Cadastre seu e-mail e receba novidades!




Categorias