Poder e Cotidiano em Sergipe
12 de Janeiro 10H:03
PODER

Amorim quer agilizar decisões sobre alianças para 2018

O senador Eduardo Amorim afirmou que apesar da oposição ainda não ter definido candidatos à chapa majoritária para o pleito de 2018, existe a necessidade de se 'adiantar' tais decisões.

Segundo ele, candidaduras aos cargos de deputados estadual e federal podem ficar prejudicadas caso não se tenha uma definição para os cargos de senador e governador.

"Não há nenhuma decisão tomada ainda. Intensificaremos as conversas com todos os envolvidos e quando todos concordarem, anunciaremos. Porém, temos que adiantar as decisões e alianças", afirmou o senador em entrevista à radialista Magna Santana.

O parlamentar também ressaltou o trabalho do deputado e líder do governo de Michel Temer no Congresso, André Moura, com quem disputa diretamente a vaga para concorrer pela oposição ao cargo de governador do Estado.

"André tem ajudado até na gestão daqueles que o criticaram. Ele tem a chave de fácil acesso a ministros. Eu não sou concorrente direto de André de forma nenhuma. Se ele tiver que disputar o Senado, a outra vaga não será minha. E não é um acordo, é uma parceria", pontuou.

Eduardo Amorim também reafirmou o seu compromisso de votar contrário à reforma da previdência. Para ele, a principal e mais urgente de todas as reformas é a tributária.

"A mãe de todas as reformas é a tributária. O governo deveria concentrar todas as forças nesta reforma. No Brasil existe mais de 94 tipos de tributos. Se paga muito tributo e se tem muito pouco retorno. Não mudo o voto. De princípios não abro mão", finaliou o senador.

Foto: Agência Senado

Comentários

  • Seja o(a) primeiro(a) a comentar!

Deixe seu comentário

* CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba do nosso blog muitas novidades.